O que trabalhamos na escola:

Análises – são quatro provas durante o ano, para avaliar o desempenho do aluno. O desenvolvimento cognitivo e social.
Sala de Aula – é o local onde o aluno aprende e desenvolve sua técnica e o seu conhecimento através de aulas práticas, passando pelo fazer, analisar e aplicar.
Disciplina – Ênfase no respeito social (relações com o próximo) organização pessoal (cuidados com o material, uniforme) e acadêmica (cumprimento das tarefas solicitadas, pontualidade, ).
Workshops – A escola incentiva o aluno a por em prática o que aprendeu. Podem participar desta atividades na escola ou festivais.

A dança está no nosso DNA.
Aqui 
realizamos sonhos, para adultos e crianças.

A Dança está no nosso DNA. Dançamos com a alma.
A nossa Escola tem uma estrutura ampla. A sede conta com cinco salas de aula,  profissionais qualificados fazem de nós a maior e mais completa escola de dança da cidade de Londrina, contamos com três Unidades, dois Studio de Pilates e somos em 21 profissionais.

O melhor do Ballet em Londrina pra você! Uma escola de tradicional de ballet profissionalizante, formando professores de Ballet – Usamos o método Royal (baby Class) e Russo para adultos, adaptado pela Bailarina Tatiana Pimenta, Educadora Física para que possa atender as principais características e realidade das professoras e escolas de ballet no Brasil.

Com sede própria a Escola de Dança formada à 24 anos no mercado de trabalho, sob a direção da Bailarina e Educadora Física Tatiana Pimenta Delaroza, influenciada pelos Dons artístico de sua mãe Angela Rezende Pimenta, a bailarina foi lapidada para desenvolver seu Dom.

A escola trabalha o ballet muito a sério, desde os pequenos passos da aluna. A Dança faz parte da vida das pessoas e temos o objetivo não somente de formar bailarinos, como trabalhar o ballet de forma terapêutica para alunos adultos e criando um ambiente saudável e lúdico, ensinando e estimulando a arte da dança  para crianças a partir de 1 aninho. Dessa forma trazendo benefícios para quem dança, sendo;
Por hobby, saúde,  qualidade de vida e por amor a dança.

Com passar dos anos, tivemos muita procura de bailarinos querendo se formar e seguir carreira como professores, muitos bailarinos cansados de lesões por excesso de esforços em dançar em  festivais de competição, e a falta de oportunidade de emprego para bailarinos profissionais no Brasil,  sentimos a necessidade de ampliar o nosso foco, para formar profissionais na área para lecionar. Como Educadora Física, consegui trazer a pedagogia e metodologia para dentro do meu conhecimento na dança, com a especialização em educação especial, só aumentou a experiência e qualificando melhor a formação  dos professores de ballet no mercado de trabalho. O que diferencia muito essa categoria. Pois nem todo excelente bailarino é um bom professor. A formação é bem diferente.

Veja Nossasas últimas notícias